29 julho, 2008

O Gangster - Crítica

(American Gangster, EUA, 2007)

Ótimo. Sinceramente é esse tipo de filme que eu gostaria de assistir
na minha TV aberta.
Desde seu inicio, O Gangster, mostra na tela o contexto da realidade setentista. Policiais corruptos, traficantes, a miséria de muitos e a abundância de outros.

Seguindo os passos de seu "Mestre"
Harlem Bumpy Johnson, Frank Lucas(Denzel Was
hington) assume o papel de Chefão, assim dizendo, na organização do tráfico de drogas no Halem, bairro de Nova York. Antes desprezado por muitos, agora tenta manter o império de Bumpy.
Frank é anbicioso, e como quem está na chuva é pra se molhar, decide ir direto à fonte do tráfico, mais precisamente: Vietnã. O país estava em guerra e passava por um momento de tensão. Os soldados americanos que defendiam sua bandeira em solo inimigo, ou voltavam viciados em opium e heroína, ou mortos em grandes caixões de aço! Aproveitando essa "brecha", Frank monta um esquema para o transporte dessa droga pra os EUA através dos próprios caixões. Subornando autoridades de alto e baixo escalão traz com certa tranquilidade todo o contrabando para o Halem, onde, sem sair de sua casa, comanda tudo.
Frank Lucas jamais deixou suas origens de lado e vive, aos olhos alheios, como um normal cidadão americano, leva sua mãe à igreja e não dispensa nenhuma formalidade em reuniões familiares e coisas do tipo, resumindo, separa muito bem sua vida familiar de sua vida nas ruas. Ele era diferente dos demais, sempre em eventos, bem vestido e nunca chamando a atenção dos demais, conseguiu levantar todo seu império vivendo na surdina.
Em contexto a isso, estava
Richie Roberts(Russel Crowe), um policial conhecido por acabar devolvendo 1 milhão de dólares achados como prova de crime, mesmo sabendo que o dinheiro acabaria nas mãos erradas depois. Ele perde seu parceiro para as drogas em seguida para a morte, mas acaba entrando para um setor especial da policia com o intúito de acabar com o trafico. Sendo um policial honesto, Richie, não era da mesma forma honesto familiarmente falando. Briga judicial com sua esposa após a separação pela guarda do filho e demais.
Denzel Washington dá à Frank Lucas tudo de si, ofuscando até mesmo a personagem de
Russel Crowe deixando os espectadores até com esperanças de que o traficante se dê bem. Mas como era de se imaginar, Richie, consegue desbancar todo o esquema do trafico nas ruas e colocar o chefão atrás das grades. Frank ao ser preso deu nome por nome dos policiais corruptos que eram envolvidos em seu esquema, colaborando para o seu próprio bem na prisão.
Por fim Frank foi condenado por 70 anos e cumprindo apenas 15 por bom comportamento e colaboração. Tendo como advogado o próprio Richie Roberts, deixa a penitenciaria pela porta da frente após cumprir sua pena, dando um final digno ao seu personagem.
O Gangster é baseado em fatos reais e foi reportada em um artigo no New York Magazine pelo escritor Mark Jacobason. Denzel Washington fora indicado ao Globo de Ouro e ao MTV Movie Awards por seu brilhante desempenho e com certeza merecido.

Nota: 9,0

3 comentários:

Lucas Santtos disse...

Fala Pedro! Digamos que nao é um filme que estou com vontade de ver... como eu lhe disse ontem nao gsto do estilo e achei que a história muito sem noção... mais blza! :D

cinevita disse...

Já estou likando seu blog ;)

E "O Gângster" é ótimo. Bem dirigido, atuado, arquitetado, cometendo pecados mesmo só no roteiro. Ainda assim, possui passagens geniais.

Nota 8,5

Ciao!

Stevan disse...

legal, gosto desse tema, clichê, mas sempre atraente, desde que haja algo de original na trama. Já tinha esse na minha lista. Depois digo o que achei.

Abs!